"Para não fazeres ofensas e teres dias felizes, não digas tudo o que pensas, mas pensa tudo o que dizes." Antonio Aleixo

Free Web Counter
Sábado, 13 de Novembro de 2004

ENFEITES DE NATAL!!!

arvore.jpg


Este é o Natal oferecido a alguns Portugueses.
Aos explorados, aos sem abrigo, sem emprego, e a tantos outros aos quais a tristeza me impede de identificar, eis os presentes oferecidos por quem nos Des-Governa.


MAIS PORTAGENS!


ATAQUES AOS SALÁRIOS!


AUMENTO DE PASSES SOCIAIS


MAIS PAGAMENTOS A NÍVEL DE SAÚDE (ASSISTÊNCIA MÉDICA)!


MAIS DESEMPREGO! 375,9 MIL DESEMPREGADOS = + 12,1 % O QUE IQUIVALE A 1,25 MENSAL OU SEJA + 1306 DESEMPREGADOS MÊS


POR REGIÃO DE RESIDÊNCIA, AS TAXAS DE DESEMPREGO MAIS ELEVADAS CONTINUAM A OBSERVAR - SE NO ALENTEJO (9,1%), NORTE (8,3%), LISBOA(7,5%), OS VALORES MAIS BAIXOS MANTÊM-SE NAS REGIÕES AUTÓNOMAS, AÇORES (3,8%) MADEIRA (3%). (Dados avançados pelo INE).


Como querem que me sinta, FELIZ, CONTENTE, RADIANTE, JAMAIS ... Enquanto houver todos os factos já descritos GRITAREI SEMPRE POR LIBERDADE.

Estes são de facto os presentes de Natal que nos oferecem aqueles que dizem Governar-nos e que tudo está bem. E o que está a ser feito é em prol daqueles que mais precisam... dá vontade de RIR!!! Mas como não é para RIR, eu baixo a minha cabeça reflectindo e deixando que as lágrimas se soltem.
publicado por Solidário às 23:18
link do post | comentar | favorito
|
20 comentários:
De Anónimo a 27 de Novembro de 2004 às 00:24
SAMUEL. que dizer a tantas verdades? Uma quero testemunhar a minha gratidão por têres passado, por este nosso canto, e pela tua lucidêz.no Mail que te mandei explicitei como vai sêr o nosso COLÓQUIO, e qual a matéria a discutir, se algo tiveres a dizêr diz qualquer coisa.Um abraço grande deste teu amigo.Santos Sampaio
(http://santossampaio@sapo.pt)
(mailto:santossampaio@sapo.pt)


De Anónimo a 27 de Novembro de 2004 às 00:15
Lima obrigado por teres passado pelo o nosso canto,VOZ DA LIBERDADE. És demasiado grande para eu tâo pequeno, comentar o que disseste.(quero dizer-te sómente isto, é com a tua razão experimental,que possívelmente hoje, ainda serás polémico,turbulento,e agressivo.Mas não esqueças que esses 72anos podem abrir caminhos aos jovens,e aos que nos julgam diferentes, com esse testemunho permanente, e sem lamexices. Força camarada, um abraço grande deste teu amigo e Camarada.ABRIL VENCERÁ Santos Smpaio
(http://vozdaliberdade@sapo.pt)
(mailto:vozdaliberdade@sapo.pt)


De Anónimo a 26 de Novembro de 2004 às 05:46
Não concordo com tudo o que está escrito ou da forma como está escrito.
Não concordo que se aponte a um governo, seja ele qual for, algo que anda mal há muitos anos.
Mas compreendo as razões que levam a exprimir desta forma um certo descontentamento.
Faço no entanto questão de deixar uma nota de apreço, porque raramente aqui venho, a uma pessoa que apenas agora comecei a conhecer.
Obrigado pelo apoio, e por ser como é.Cesar
</a>
(mailto:cmarques@insags.com)


De Anónimo a 22 de Novembro de 2004 às 15:38
Ao ler o artigo regressei ao Natal da minha infância, e recordo a felicidade de uma criança com a magia do Natal. Hoje reconheço o quanto isso foi importante para que o meu crescimento fosse saudável. Não consigo imaginar os lares que este Natal terão uma nuvém negra a assumbrar as suas casas, por causa das decisões tomadas pelo nosso "desgoverno", e as implicações negativas que isso terá nas suas vidas. Gigigigi
</a>
(mailto:gigi@iol.pt)


De Anónimo a 18 de Novembro de 2004 às 21:28
Amigo e estimado Santos Sampaio, venho expressar o meu comentário aos “Enfeites de Natal”, expresso neste excelente Blog que não é mais do que a VOZ DA LIBERDADE. Na verdade, o Blog da sua autoria expressa com coragem e sem quaisquer preconceitos (tanto neste artigo como nos outros), o que os portugueses desejam expressar, até aqueles que admiram, gostam, e simpatizam com as laranjas.
Admiro a sua coragem e persistência na resolução dos problemas dos que mais precisam, apesar dos grandes entraves que aparecem e aparecerão ao longo da sua luta. Só que na verdade, os grandes lutadores têm sempre alguém ao seu lado.
“O GRANDE ERRO DO HOMEM É AQUELE QUE NÃO FAZ NADA POR PENSAR QUE FAZ TÃO POUCO”
Quanto a problemática do nosso Dês-Governo, podemos acrescentar: o endividamento; os baixos salários; falta do poder de compra; as desigualdades sociais; os cercos aos meios de informação; as contradições inadmissíveis dos nossos “governantes”; a falta de rigor na governação; não esquecendo o Orçamento de Estado que não é mais do que tentar “lavar a cara com água suja” etc, etc……
Enfim são mil e um comentário que poderíamos fazer ao Des-Governo.
Quanto a árvore de Natal, adorei o enfeito. Só que no ano zero (a 2004 anos atrás) a estrela brilhava e anunciava a vinda de um “SALVADOR”, na estrela da árvore de Natal do Blog, por mais que olhe não encontro nenhum salvador. Porque será?????
Os frutos da árvore são apenas 10 laranjas, com cara de PLAYBOYS. Desculpe, mas são poucas laranjas, tendo em conta o número de laranjas nomeadas para estarem no top. Só em menos de um terço de um ano foram mais de 1.200.
Talvez essas laranjas representam alguns cargos políticos. Os quais, como demonstra na árvore estão perto da explosão, já se nota a faísca, e pela luminosidade pouco vai passar do Natal. Na verdade gosto de laranjas, mas daquelas que espremidas têm muito sumo e com pouca acidez, o que é o inverso das nossas actuais laranjas. Ou seja, gostava daquelas que já tivemos e desprezamos.
Infelizmente, não podemos juntar Rosas a nossa árvore de Natal. Essas, apresentam-se cheia de espinhos. Apesar de apresentarem bom aspecto, bonitas com caras de PLAYBOYS, tal como as laranjas, não tem quaisquer cheiros. Ou seja, são também para enganar o ZÉ-POVINHO!!!!!!!!!!!!!!!!!.
BASTA IR AOS SUPERMERCADO E COMPROVAR!!!! NA VERDADE PRECISAMOS DE FRUTOS E/OU FLORES MAIS SENSÍVEIS.
Arlindo
</a>
(mailto:a@portugalmail.pt)


De Anónimo a 18 de Novembro de 2004 às 11:00
Voltei a passar aqui no canto da VOZ DA LIBERDADE, e verifiquei que nos brindou com mais um artigo de dura realidade. Já estive desempregado e sem dinheiro, numa altura em que o mercado de trabalho estava bem melhor, recordarei para sempre o que aquele periodo representou para mim, dormia muito mal e tinha os mais variados sonhos. Tentava sonhar com uma perspectiva de vida melhor, mas a dura realidade infelizmente até o sonho mata, tornando-o num pesadelo.
Mas recordo que pensei muitas vezes, o que seria da minha vida se tivesse filhos, casa para pagar (vivia com os pais)...o desespero que se deve sentir...a pressão...o que dizer a um filho quando não há comida...
Porém, vejo que muitas vezes as pessoas que já tiveram nessa posição, são as mais crueís para os outros na mesma posição, e então lembro-me daquele proverbio "Não peças a quem já pediu nem sirvas a quem já serviu". Reflectindo em tudo isto, lamento que o seu (nosso) sonho ainda esteja longe, enquanto os sentimentos servirem os interesses. Enquanto houver pessoas que se vendam por tão pouco, não há democracia e muito menos justiça.
Ouço o seu Grito e também baixo a minha cabeça, e deixo cair a minha lágrima, como quem lhe diz "Estou consigo Santos Sampaio, deixe me dizer-Lhe que esta luta não é sua, é nossa!!!"
Abraço AmigoJP
</a>
(mailto:jfc_santos@msn.com)


De Anónimo a 18 de Novembro de 2004 às 02:13
É sempre bom passar por aqui, há sempre uma chamada de atenção para aqueles que muitas vezes estão absorvidos pelos seus problemas, que até se esquecem que há alguém pior. É demagogia pensar que socialmente essas pessoas não são discriminadas, é que além dos problemas reais que têm, ainda levam com a sociedade a olhar de lado, como se sofressem de alguma doença transmissível.
Temos que GRITAR bem alto por LIBERDADE, porque quando falamos de desfavorecidos(como o Senhor Primeiro Ministro lhes chama), temos de ter em atenção que são seres humanos e como tal não têm de ser diminuidos pela incompetência da governação de um País. Os desfavorecidos são usados para manipulação do Poder Politico.
Portugueses e Portuguesas, tenham consciência do País que temos e apercebam-se que neste País a falta de valores, honestidade, palavra e verdade é GRITANTE. Santos Sampaio mais uma vez provou que contra factos não há argumentos e como estudamos os dois comportamentos, gostaria de ver um artigo em que falasse do que socialmente acontece a uma pessoa desfavorecida. Um grande Abraço meu NOBRE AMIGO...Samuel
</a>
(mailto:samuel28@hotmail.com)


De Anónimo a 17 de Novembro de 2004 às 23:26
Sampaio amigo, verifico que a tua luta é eficiente,falei com amigos que me aconselharam a visitar o teu (nosso Blog) sei que estás a preparar um colóquio a que já destes o nome de LIBERDADE.Não te esqueças de mim quero ir também e dizêr a razão da nossa luta. Nunca pensei e desculpar-me-ás de te julgar de outra forma, mas os factos provam mais que o braços levantados.Conta comigo e responde-me ao meu mail senão já sabes que grito, tive com a Virginia e ela mesmo me disse que eras terrível quando encetavas uma luta. força CAMARADA. Unidos Venceremos. um abraço bem apertado do teu amigo e camarada LIMA, aquela açorda alentejana foi ou não boa? só nós é que sabemos. Vou mandar-te um mailPires Lima
</a>
(mailto:PL!mail@sapo.pt)


De Anónimo a 17 de Novembro de 2004 às 01:48
Acredite que sorri quando vi ANÓNIMO, antes de lêr o comentário pensei, mais um/a com mêdo, mas felizmente não é o caso.Quando diz que neste canto é procurada uma voz amiga, tenha a certeza que assim é.Quanto ao dignificar o Blog do sapo, não disserto hoje sobre o assunto, mas como conheço as regras que nos são impostas quando criamos um Blog, também não ficarei calado sobre o que se passa,e isto porque, muitas crianças podem consultar os mesmos,e naturalmente sendo este blog VOZ DA LIBERDADE não estaria em sintonia se não estivesse atento ao que por aqui se passa.Os mail's tal como diz estão a retirar-me algum tempo, mas a riqueza de cada um é tão grande, que vale a pena este bocadinho de esforço.Tal como o seu,pois reparei na hora do seu comentário,o que muito lhe agradeço.Volte,porque este espaço não é meu é Vosso,e juntos podemos fazêr de facto coisas,que ajudem os que estão menos bem. Um abraço de muita SOLIDARIEDADE. Santos Sampaio
(http://vozdaliberdade@sapo.pt)
(mailto:vozdaliberdade@sapo.pt)


De Anónimo a 17 de Novembro de 2004 às 01:24
É mesmo o que disse,este País está de facto a sêr o produtor (das novelas das CONTRADIÇÕES)creio que sabe como isto se chama,(desonestidade)a nós obrigaram-nos a sêr expectadores.Vamos vêr até quando,é que o que é demais satura,e muitos Portugueses estão a ficar saturados,felizmente,o que é pena e eu lamento, é, que se tenha que passar por tudo isto para se criarem novas consciências,e despertar outras tantas que se deixaram embalar no (canto dos patinhos feios)querida amiga CARINA obrigado pelo o seu grito de REVOLTA,e por estar atenta a a esta novela.Este canto é seu, e é sempre com muita satisfação que a vejo por cá.Um beijo de agradecimento e muito carinho.Santos Sampaio
(http://vozdaliberdade@sapo.pt)
(mailto:vozdaliberdade@sapo.pt)


Comentar post

blogs SAPO

.subscrever feeds