"Para não fazeres ofensas e teres dias felizes, não digas tudo o que pensas, mas pensa tudo o que dizes." Antonio Aleixo

Free Web Counter
Domingo, 1 de Junho de 2008

1º DE MAIO!!!

 

DIA MUNDIAL DO TRABALHADOR!!!

Será para festejar? Para reflectir? Ou para em silêncio pensarmos nas verdadeiras razões do 1º Maio?

Quando em 1886 em Chicago numa luta e numa greve ali encetada, por uma reeivindicação de 8 horas de trabalho.

Aí começou o 1º de Maio.

Hoje em Portugal temos que pensar no que foi a grande alegria do 1º de Maio de 1974.

Festejamos de facto o derrube de uma ditadura, e o 1º de Maio foi uma alegria completa, jamais pensando no que hoje esta a suceder.

É altura, pensar seriamente - Os factos hoje não são por 8 horas de trabalho, mas pela precariedade do trabalho, com o celebre LIVRO BRANCO, que mais não é, uma "CARTILHA NEGRA" para preparar uma revisão da lei do trabalho, onde a flexibilidade é a forma mais fácil dos EXPLORADORES, poderem despedir com a celebre claúsula da DESADAPTAÇÃO, o TRABALHADOR.

Iremos ouvir muitos desses fascínoras gritarem.

Não é isso - Não é isso - Não é nada disso!

E assim começa a preparação para o despedimento porque o trabalhador esta DESADAPTADO - Esta é a flexibilização.

Confesso... que me sinto angustiado, mas até que a vida mo consinta não deixarei de gritar que fascismo nunca MAIS.

Mesmo que seja preciso dar a vida pelas conquistas da manutenção da LIBERDADE... POR ABRIL.

Pois PS - PSD - CDS são todos iguais mas gritarei sempre.

 

VIVAM OS TRABALHADORES!!!

fascismo NUNCA MAIS!!!

 

publicado por Solidário às 19:57
link do post | comentar | favorito
|
3 comentários:
De Anónimo a 1 de Maio de 2008 às 23:25
Realmente o 1º de Maio é de reflexão, hoje fui festejar o 1º de Maio , organizado pela CGTP, obviamente porque sou trabalhadora consciente. Como é meu costume, vi os noticiários da televisão, e fiquei enojada,(desculpem o termo) a televisão falou das pessoas que tinham estado no 1º de Maio , organizado pela UGT ou seja a organização sindical que atraiçoa os trabalhadores, ASSINANDO A MORTE CERTA DE TODOS QUE DESCONTAM PARA OS SINDICATOS AFECTOS A UGT. O 1º MAIO ORGANIZADO PELA INTERSINDICAL CGTP, FALARAM POUCO E COMO É OBVIO, IGNORARAM O NUMERO DE PESSOAS QUE SE ESTIMA QUE FORAM PARA CIMA DE SESSENTA MIL PESSOAS.VERGONHOSO, ESCANDALOSO,ESTA DESINFORMAÇÃO. HA DIAS NOS PROS E CONTRAS UM HOMEM DE UMA ASSOCIAÇÃO PATRONAL, DIZIA PODEM ACABAR COM OS CONTRATOS A PRAZO, QUE NOS POMOS TODOS EFECTIVOS, MAS DEEM-NOS UMA LEI QUE POSSAMOS DESPEDIR. É ISTO MEUS AMIGOS, ESTE HOMEM COM A SUA ARROGANCIA, EXIGIU AQUILO QUE O PATRONATO QUER, DESPEDIR A SEU BELO PRAZER.MAS DEIXO AQUI UMA PERGUNTA, SE AS PESSOAS NÃO SÃO RICAS, NÃO TEM TRABALHO, DO QUE VIVEM? EU NÃO TENHO RESPOSTA, TALVEZ O 1º ministro deste país, a tenha, aliás parece-me que o referido senhor tem resposta para tudo e pensa saber tudo.HOJE DIZIA-ME UM HOMEM, NA MANISFESTAÇÃO, MAS ESTE POVO AINDA NÃO SE APERCEBEU DA FORÇA QUE TEM ,A UNIDADE E O VOTO? RESPONDI-LHE QUE NÃO, POIS SE SOUBESSE, NÃO ESTARIA o sócrates como 1º ministro.REFLECTI ,COMO É POSSÍVEL TANTA GENTE TER SIDO MORTA PELA CONQUISTA DAS LIBERDADES ,E ESTE POVO , O POVO PORTUGUÊS , IGNORAR ESTA GENTE. VEM AÍ TEMPOS DIFICEIS, ONDE ESTE POVO TEM QUE SE UNIR E DIZER , BASTA, BASTA, BASTA, ESTÁ NA HORA DE REMAR PARA OUTROS CAMINHOS. O CAMINHO DA LIBERDADE, DA JUSTIÇA, DA LEGALIDADE DEMOCRATICA, CADA DIA ,TEM QUE SE FAZER UM 25 DE ABRIL, LUTAR PELA DIGNIFICAÇÃO DESTE POVO.VIVA O 1º DE MAIO, VIVA A LIBERDADE, VIVA A DEMOCRACIA. Gina Santos


De ABJN a 23 de Maio de 2008 às 13:03
Gostaria de começar por dizer que neste momento sou apartidária e não sindicalizada.

Sinto um grande pesar por todos aqueles que não têm emprego e ou são explorados.

Todos sabemos que a maioria das noticias que ouvimos dos sindicatos são para defender os funcionários Públicos, só quando uma fábrica fecha é que ouvimos falar dos trabalhadores do privado.

Acho que a construção de uma casa começa pelos alicerçes, ou se preferirem podemos ir mais longe e falar do projecto para a sua construção.

O que assistimos hoje é descrito pela frase "Numa casa onde não há pão, todos ralham e ninguém têm razão".

Devemos reflectir e verificar que todos contribuimos para esta situação caótica quando, não somos interventivos, não produzimos, tentamos passar por cima do colega ou pura e simplesmente não pensamos, deixamos andar.

É esta falta de interesse que faz que qualquer um nos tente vender a banha da cobra.

O problema da questão da adaptação, é que infelizmente dá para a resolução de vários problemas para as entidades patronais, não sendo muito favorável ao trabalhador. Neste momento ja houve uma alteração, o que achei um sinal positivo do Governo aos trabalhadores.

Não nos podemos esconder atrás da questão "Mas o que é que eu posso fazer?", todos podemos fazer a diferença, todos juntos somos uma força que não se pode parar.

Lamento que só no Euro se veja todos a "gritar" a uma só voz, mas neste exemplo podemos ver que é possivel a união de um POVO.




De Solidário a 24 de Maio de 2008 às 07:17
Muito obrigado pela Sua visita, acredite que li com muita atenção o Seu comentário.
Diz que é apartidária, não gostava de contrariar esta Sua afirmação, mas se está a comentar uma situação politíca, logo se torna partidária.
Quanto ao não sêr sindicalizada, compreendo, mas não aceito. Sei que os sindicalizados, estão sempre sobre o cutelo dos exploradores, mas é como o outro que diz " ELES QUE FAÇAM A GUERRA, PORQUE SEREI SEMPRE BENEFICIADA" O que quer dizer que uns fazem a guerra e outros escondem-se nas trincheiras, desculparme-á, mas não acho uma atitude coerente. Quando diz que os sindicatos só falam em Funcionários Públicos, existe uma distorção no raciocínio, é que todos são trabalhadores. Reflicta com calma e com a inteligência que lhe reconheço, e estou certo que terá outra visão do que é a sindicalização, e verificará que possívelmente está hoje a pagar com o voto, que os menos esclarecidos deram ao CAPITALISMO (socialismo que há muito estava na gaveta) têr mêdo da luta é como estar num sofá esperando que os lacaios nos tragam os nossos prazeres.
Não! não pode sêr, mais do que nunca hoje temos que estar unidos, para que amanhã, não nos possamos arrepender de estar sem emprego, poque foi bom estar como espectador, dos que lutam.
Receba o meu carinho a minha amizade, mas não podía estar de acordo consigo.
Você é inteligente, e a linguagem usada foi de uma pessoa distraída fique bem e grite sempre que fascismo nunca MAIS.
Todos juntos podemos combater a exploração, dos que se passeiam em bons carros e outras mordomias com o fruto do Seu trabalho.


Comentar post

.Agosto 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


.Música


"Zeca Afonso"
Voz da Liberdade

.Artigos Recentes

. FESTA DO AVANTE!!!

. ESTE SENHOR ALARGA O CINT...

. O POVO DESCEU À RUA!!!

. ALCOCHETE: BASTA DE INJUS...

. 1º DE MAIO!!!

. COM ABRIL, SEMPRE!

. CAPITALISMO RINDO!!!

. ASSOCIAÇÕES PATRONAIS QUE...

. UM ANO NOVO MELHOR - 2008

. FELIZ NATAL!!!!

.Arquivos

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

blogs SAPO

.subscrever feeds

RSSPosts

RSSComentários

RSSComentários do post