"Para não fazeres ofensas e teres dias felizes, não digas tudo o que pensas, mas pensa tudo o que dizes." Antonio Aleixo

Free Web Counter
Domingo, 18 de Junho de 2006

1º ACTO

Batem as pancadas de Molière.

Abrem-se os cortinados.

Numa sala repleta, sem lugar, sequer para uma formiga numa plateia atenta, no Teatro Portugal, espera o desempenho dos actores, que todos sabemos serem grandes nomes de cartaz!

Actores sofridos, mas que bem dizem no cruzamento dos seus papeis, a cena a que estamos a  assistir.

_ Então homem? Sempre fecham a fábrica.

_ Sim mulher. Fecham...

Ela desaparece para um canto da cozinha, e tempera com as suas lágrimas o tacho que vai mexendo, mas que pouco já têm.

Nós espectadores somos levados num impulso de consciência, a pensar, e se amanhã também eu fico sem emprego?

Como pagaria a casa?

Como pagaria os estudos do meu filho?

Vamos lá esquecer tudo isto!! Não vai ser comigo.

Mas quando desperto deste terrível pensamento, oiço o puxar de lenços, o assoar de narizes, que antes limparam lágrimas. Tornei a reflectir em tudo o que  estava a vêr , "A peça da Miséria", escrita por um governo desumanizado.

Fui levado a pensar no discurso do Presidente da República no dia 10 de Junho, apelando aos Portugueses para não se deixarem vencer pelo desânimo e pessimismo.

Se é de aplaudir o discurso, também é natural colocar algumas interrogações. As explicações são muitas, para que tal esteja a acontecer, e é precisamente provocado pelo desempenho dos decisores políticos. Por isso entraram no maior descrédito alguma vez pensável. O rol de decisões erradas e errantes que os diversos governos tornaram, a continuação dos deslizes de executivos anteriores que os que lhes sucedem tentam emendar, muitas vezes, errando de novo. E a inimputabilidade com que tudo tem acontecido, sem que ninguém seja responsabilizado, realmente deprime.

Mas foi curioso o discurso de Cavaco Silva, agora a incentivar a iniciativa de todos nós e a desafiar-nos á participação. A memória é curta, todos sabemos, mas Cavaco Silva foi um Primeiro ministro centrista, que quando as oposições se manifestavam dizia: "Deixem-nos Trabalhar", achava, que sozinho podia fazer tudo e melhor. Puro engano, como se viu.

Caiu o Pano,

De pé os Portugueses em vez de palmas, gritam,

EMPREGO SIM

DESEMPREGO NÃO.

 

publicado por Solidário às 16:02
link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 12 de Junho de 2006

...

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

...

publicado por Solidário às 22:55
link do post | favorito
|
Sábado, 10 de Junho de 2006

DIA DE PORTUGAL

Olho para a bandeira do meu País, reflicto:

Dia de Portugal ...

Será que é dia de Portugal para todos os Portugueses?

Será que pensamos nos sem-abrigo?

Nos desempregados?

Nos doentes?

Nos velhos?

Nas crianças?

Tenho duvidas!!! Mas quando olho o Cravo constato que foi olhando para ele, em 25 de Abril que passados todos estes anos não teria que fazer as interrogações que ainda hoje  faço.

Espero bem que com Esperança e Luta, o dia de Portugal de 2007 possa ser diferente.

Um ABRAÇO DE SOLIDARIEDADE.

VIVA PORTUGAL.

publicado por Solidário às 15:36
link do post | comentar | favorito
|

.Agosto 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


.Música


"Zeca Afonso"
Voz da Liberdade

.Artigos Recentes

. FESTA DO AVANTE!!!

. ESTE SENHOR ALARGA O CINT...

. O POVO DESCEU À RUA!!!

. ALCOCHETE: BASTA DE INJUS...

. 1º DE MAIO!!!

. COM ABRIL, SEMPRE!

. CAPITALISMO RINDO!!!

. ASSOCIAÇÕES PATRONAIS QUE...

. UM ANO NOVO MELHOR - 2008

. FELIZ NATAL!!!!

.Arquivos

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

blogs SAPO

.subscrever feeds

RSSPosts

RSSComentários