"Para não fazeres ofensas e teres dias felizes, não digas tudo o que pensas, mas pensa tudo o que dizes." Antonio Aleixo

Free Web Counter
Quarta-feira, 6 de Outubro de 2004

TEATRO EM CRISE? NÃO!!

1301591.jpeg



Em crise estão os Portugueses (Desgovernados) por um "governo" que faz de conta.
Quando as crises surgem pelo o que atrás citei os amigos juntam-se, e ao sabor de Lagosta, em restaurantes de nome, com música de fundo, arranjam a melhor forma de pôr o Zé Povinho a rir. Sim!!!! Porque enquanto o Zé Povinho RI! RI! NÃO PENSA.
Na peça de teatro de revista, que um dos canais de televisão, que como é óbvio não publicito, levou há cena a Comédia da "Socialité" (todos formados na escola de actores "JET - SET"). Antes do ensaio geral teviram honras de primeira, não faltando um tal Senhor que é Ministro de Estado, da Defesa, do Mar, desejando a uma das artistas, sua amiga, as maiores felicidades. São os "Actores" que temos e os ministros que nos desgovernam "governam". Faz lembrar um outro Zé que também falava dos Zés, só que este é Barroso. Mas....escolheu outra sala, com maior luminosidade, "caixa de ponto" mais funda, e claro, ordenado de acordo com o espectáculo montado.
É que assim o Zé Povinho RI! RI! E esquece a crise do desemprego, da fome, da falta de habitação, dos cuidados "descuidados" a saúde, da anedota do ensino na colocação dos professores, em que hoje mais uma peça artistíca se assistiu no Parlamento, e nas degradantes condições de trabalho em que os Magistrados trabalham nos Tribunais Portugueses. Mas o Zé Povinho RI!!!n E só quando se deita, procurando adormecer é que pensa, muito me RI!!! Mas estou cheio de fome. Há!! Se eu ganhasse num mês o que os artistas desta revista ganham numa semana, como eu não tinha fome, preocupações maiores, mas eu sou um dos Zés entre o Povinho, não faço parte da Escola de "Artistas" de JET-SET.
publicado por Solidário às 21:32
link do post | comentar | favorito
|
5 comentários:
De Anónimo a 8 de Outubro de 2004 às 11:01
Gi - São mulheres com a tua formação e descernimento que podem fazer mudar este País. Tal qual dizes governos que não sabem o que andam a fazer, e que camuflam vontades diferentes do que vêm dizendo, nos discursos que julgam ser brilhantes ou elucidativos de uma verdade que não procuram nem com a qual estão preocupados. Tens uma observação de extrema lucidez, é que desta forma dissimulada conseguem assegurar as mordomias e (tachos), que todos os contribuintes pagam. E, quando o "tacho" acabar serão internados num (LAR DE LUXO) que mais para a frente hei-de escrever sobre o mesmo. A tua inteligÊncia enriquece os comentários deste blog. Volta sempre, com um beijo de agradecimento.santossampaio
</a>
(mailto:ss@ss.pt)


De Anónimo a 8 de Outubro de 2004 às 11:00
Obrigado Pedro por teres visitado este blog que mais não pretende, que não seja um grito de alerta ou uma sirene que toca sem parar. Sim..porque enquanto a situação em que se vive, se mantiver, jamais podemos deixar de gritar ou desligar a referida sirene. Quero agradecer-te a forma pedagogica como comentas o artigo, chamas há atenção de factos que considero pertinentes pela observação: o gastar em "SHOPPINGS" o que por vezes é só para consumo do próprio Ego, o comprar telemóveis topo de gama para os filhos, pensando que lhes estamos a comprar a vontade, do que até então não queriam ou diziam não poder fazer, por outras palavras "chantageà-los" e também mostrarem nos colégios que os "papás" são pessoas de posses económicas. Porque o considero inteligente, sei, que não comes a "porcaria" de certos programas de televisão. E com bem dizes com ministros vedetas e vedetas nas bancadas dos que dizem oposição, é como dizes... mais vale rir!!! Volta sempre com os teus comentários mordazes, com o meu maior obrigado.santossampaio
</a>
(mailto:ss@ss.pt)


De Anónimo a 7 de Outubro de 2004 às 12:14
Isto é uma realidade, no entanto aquilo que mais me consome e me atormenta, é o facto do Zé do Povinho assistir a todos estes acontecimentos sem nada fazer. Onde as bestas são "bestiais" e os bestiais são tratados como "bestas". A verdade é que o Povo gosta, cada vez mais há revistas cor de rosa, tanto é ladrão aquele que rouba como aquele que fica a ver...não há que arranjar "bodes expiatórios", todos somos culpados, deixemos a "má lingua" e passemos à acção. Honremos aqueles que lutaram por um 25 de Abril, por um Portugal mais justo, do que estão à espera...

"O mal de quase todos nós é que preferimos ser arruinados pelo elogio a ser salvos pela crítica." (Norman Vincent)
k
</a>
(mailto:kk@kk.pt)


De Anónimo a 7 de Outubro de 2004 às 10:41
Com governos que não sabem o que andam cá a fazer, e que não tem forma de camuflar essa realidade é necessário tapar os olhos do povo, a melhor forma de o fazer, é com programas sem conteúdo em que não estimulam o raciocínio do povo, porque assim as suas medidas não são postas em causa, e os seus "tachos" estão assegurados. gi
</a>
(mailto:gi@iol.pt)


De Anónimo a 6 de Outubro de 2004 às 22:52
"Isto está pior!" ,"A vida está difícil" ,"A culpa é do Governo!" ,"O Governo deve fazer isto e aquilo..."

É o que se ouve o chamado “Zé Povinho” (no qual eu me incluo) a dizer... mas no meio de tanta tristeza, o que fazer?
É como se diz neste texto! Vamos rir! Sim, vamos todos “curtir” a fossa gastando centenas de euros nos “Shopings” gigantescos e oferecer telemóveis de ultima geração aos nosso filhos!
Sim vamos rir-nos pôr a culpa em quem sempre nos deu o peixe e nunca nos ensinou a pescar e a pensar e a ter iniciativa e, e, e,...
“Comemos” toda a porcaria que nos oferecem na TV mas pelo menos não morremos à “fome”... mas não me julguem um “censor” por a idiotice com conta peso e medida faz bem ao espirito e alimenta a alma.
Enfim, com ministros vedetas e vedetas na bancada oposta a criticarem ministros pelas razões erradas, ou seja, para serem eles as próximas vedetas... mais vale rir... em vez de trabalhar porque rir dá menos trabalho.

P.S.- Não foi brilhante, mas foi o melhor que se arranjou :-)
Pedro
</a>
(mailto:teste@m.pt)


Comentar post

blogs SAPO

.subscrever feeds